Frases de Adriana Falcão

Adriana Falcão é uma roteirista e escritora brasileira, conhecida por seu trabalho na TV Globo. Ela também escreveu para séries como “A Comédia da Vida Privada” e “A Grande Família”, além de roteiros para filmes como “O Auto da Compadecida” e “A Máquina”. Adriana Falcão tem uma extensa bibliografia e é reconhecida por suas contribuições para a literatura e o cinema brasileiros. Ela nasceu no Rio de Janeiro em 12 de fevereiro de 1960.

  1. Inecisão é quando você sabe muito bem o que quer mas acha que devia querer outra coisa.
  2. Seu coração disse pra sua cabeça, vá, e sua cabeça disse pra sua coragem, vou, e sua coragem respondeu, vou nada, mas sua boca não ouviu e beijou.
  3. Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança para acontecer de novo e não consegue.
  4. Amizade é quando você não faz questão de você e se empresta aos outros.
  5. Angústia é um nó muito apertado bem no meio do seu sossego.
  6. Intuição é quando seu coração dá um pulinho no futuro e volta rápido.
  7. Todo domingo é meio lembrança, meio começo, meio cansaço, meio maçante, meio preguiça, meio esperança.
  8. Paixão é quando apesar da placa perigo o desejo vai e entra.
  9. Mais triste que perder alguém que a gente ama? Só se a gente perdesse a memória
  10. Raiva é quando o cachorro que mora em você mostra os dentes.
  11. Palavras nunca mudam de ideia.
  12. Sentimento é a língua que o coração usa quando precisa mandar algum recado.
  13. Ansiedade é quando sempre faltam 5 minutos para o que quer que seja.
  14. Beijo é um carimbo que serve para mostrar que a gente gosta daquilo.
  15. Solidão é uma ilha com saudade de barco.
  16. Decepção é quando você risca em algo ou em alguém um xis preto ou vermelho.
  17. Todo tipo de indelicadeza dispara alarme no meu peito.
  18. Desilusão é quando anoitece em você contra a vontade do dia.
  19. Abandono: uma jangada que sai sem você dentro dela.
  20. Felicidade é um agora que não tem pressa nenhuma.
  21. Perdão é quando o Natal acontece em outra ápoca do ano.
  22. Culpa é quando você cisma que podia ter feito diferente, mas, geralmente, não podia.
  23. Lembrança é quando, mesmo sem autorização, o seu pensamento reapresenta um capítulo.
  24. Irritação é um alarme de carro que dispara bem no meio do seu peito.
  25. Interesse é um ponto de exclamação ou de interrogação no final do sentimento.
  26. Certeza é quando uma ideia cansa de procurar e para.
  27. Ainda é quando a vontade está no meio do caminho.
  28. Vontade é um desejo que cisma que você é a casa dele.

InicioSobre PortalinhoPolítica de PrivacidadeTermos de Uso
© 2024 • Todos os direitos reservados • populu;
Portalinho - Inspiração e Informação em um só Lugar.